trem-anima

 

Sistemas

Belo Horizonte

Malha Viária

 

 

O Sistema de Trens Urbanos de Belo Horizonte é operado através da linha Eldorado – Vialrinho, com extensão de 28,1 km, abrangendo dois municípios, Belo Horizonte e Contagem. São 19 estações e 6 terminais integrados, que atendem cerca de 210 mil passageiros/dia.

 

 

Endereço: Rua Januária, 181 - B: Floresta - Belo Horizonte – MG - Cep: 31110-060

Telefone: 31 3250-3900

Gerência de Comunicação e Marketing - Imprensa: (31) 3250-4022

Email: decombh@cbtu.gov.br

 

Características operacionais:

Extensão da Via (km)

28,1

. Bitola larga - 1,60 m

28,1

. Eletrificada

28,1

Nº de Estações

19

Nº de Oficinas

1

TUEs Existentes (*)

25

Intervalo Mínimo Programado (min)

2,5

Intervalo Máximo Programado (min)

14

Tempo de Percurso Programado (min)

45

Efetivo de Pessoal

794

Municípios Atendidos

2

 

 (*) Os valores apresentados para o material rodante no quadro acima é do total existente nos sistemas, não necessariamente todos em operação devido à necessidade de manutenções periódicas e/ou avarias.

 

 

O Metrô de Belo Horizonte

 

 

Vinculada à Companhia em 1° de janeiro de 1985, a Superintendência de Trens Urbanos de BH teve sua concepção e modelo de serviço idealizados a partir de 1981, quando a Gerência de Implantação de Projetos (GEIPOT), órgão de planejamento do Ministério dos Transportes, foi incumbido de desenvolver um projeto para a Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) que equacionasse o estrangulamento da capacidade de transporte de cargas ferroviárias e de passageiros que ocorria na região.Em face de tais particularidades, O GEIPOT desenvolveu um projeto que buscava uma solução conjunta para carga e passageiros, duplicando e segregando as linhas. Assim, o sistema de transporte urbano de passageiros sobre trilhos foi projetado na mesma diretriz do leito ferroviário já existente, reduzindo se o custo de implantação. A carga foi mantida em seu leito original, mas com linha exclusiva e retificação de alguns trechos.

 

Início das obras - As obras do Trem Metropolitano de Belo Horizonte foram iniciadas em 1981, sob a batuta da Divisão Especial do Metropolitano da RFFSA (DEMETRÔ). O cronograma inicial previa um trecho compreendendo os percursos: Eldorado-São Gabriel, com 26,5 km de linha dupla, incluindo o pátio de manutenção São Gabriel e o ramal Calafate/Barreiro com 10,5 km.

 

A operação comercial do sistema teve início em 1º agosto de 1986, à época, com seis estações, ligando Eldorado a Lagoinha, com 10,8 km e três trens em operação.

Com o crescimento da RMBH foram modificados os objetivos e os projetos inicialmente previstos para o Metrô, obrigando a Companhia a adequar-se a uma nova realidade. Foi postergada a implantação do ramal do Barreiro, priorizando-se a extensão do Metrô para o Vetor Norte, em função do crescimento e das características de deslocamento de sua população. Até agora foram investidos na CBTU - Belo Horizonte cerca de R$ 826 milhões, na primeira fase da construção parte dos investimentos vieram do governo francês e por volta de 1995, na segunda fase das obras, com R$ 92 milhões em recursos do Banco Mundial (BIRD).

 

As primeiras viagens do Metrô: A primeira viagem comercial do Metrô de Belo Horizonte foi realizada em 1º de agosto de 1986, no trecho entre as estações Eldorado e Lagoinha. Na época, seis estações compunham a Linha 1 que, passou a contar com 12,5 km de linha após a conclusão das obras da Estação Central. Entre 1992 e 2008, foram concluídas as estações e terminais que hoje formam a Linha 1 do Metrô de Belo Horizonte.

 

Evolução nos trilhos – Atualmente, o Sistema de Trens Urbanos de Belo Horizonte  conta com 28,1 km de extensão e atende diretamente a dois municípios: Belo Horizonte e Contagem.  As 19 estações permanecem abertas diariamente, de 5h15 às 23h. A frota de 25 trens é composta por quatro carros cada, totalizando 100 carros de passageiros.Os intervalos entre as viagens do Metrô variam entre 4 e 7 minutos, nos horários de pico, gerando uma capacidade de transporte de mais de 26.600 passageiros por hora nos dois sentidos da viagem (Eldorado para Vilarinho ou Vilarinho para Eldorado).

A cada ano, o sistema realiza cerca de  90 mil viagens, com índices de pontualidade de cerca de 99%. Já a regularidade das partidas chega a 99,5%. Eldorado, com mais de 10 milhões de usuários/ano, é a estação que registra o maior número de passageiros.

 

Estação                                                         Inauguração

Cidade Industrial                                            Agosto/1986

Carlos Prates                                                 Agosto/1986

Santa Efigênia                                               Abril / 1992

Horto Florestal                                               Dezembro / 1992

Santa Tereza                                                 Dezembro / 1993

Santa Inês                                                      Novembro / 1994

José Cândido da Silveira                                Abril / 1997

Minas Shopping                                              Abril / 1997

Vila Oeste                                                       Julho / 1999

São Gabriel                                                    Janeiro / 2002

Primeiro de Maio                                             Abril / 2002

Waldomiro Lobo                                             Julho / 2002